NEWS

Usina de leite inicia operações com gás canalizado

Arquivo em: Comgás,news — Tags: , — 3:13 pm

A Cooperativa de Laticínios de São José dos Campos (Cooper) começou a operar com gás natural canalizado no processo de pasteurização de leite da Usina de Beneficiamento nesta semana. De acordo com a Cooperativa, a mudança da fonte de energia das caldeiras, advinda da parceria com a Companhia de Gás de São Paulo (Comgás), trará um ganho de grande importância ao meio ambiente, na manutenção, limpeza, redução de custos com energia elétrica e consequentemente uma economia nos custos da produção final do leite, que deve chegar a 5%.

Com capacidade instalada para processar 120 mil litros de leite por dia, as caldeiras da Cooperativa consumiam uma média mensal de 30 mil litros de óleo BPF (óleo cru), que deixarão de ser queimados, evitando assim, a emissão de fumaça. Para o presidente da Cooper, Benedito Vieira Pereira, além da economia direta com a aquisição de combustível, a manutenção de equipamentos e com a limpeza, a adesão ao gás natural traz inúmeros benefícios para a empresa, como por exemplo, a ampliação do relacionamento com a comunidade vizinha.

“Estamos sediados há mais de 50 anos no mesmo local, neste tempo, a cidade cresceu. O número de residências e os pontos comerciais no entorno da Usina aumentou consideravelmente. A troca por uma fonte de energia mais limpa e segura é também uma forma de ampliarmos ainda mais o nosso relacionamento com a comunidade vizinha, que também irá se beneficiar com a melhoria da qualidade do ar”, relata Pereira.

De acordo com o Gerente Regional da Comgás, Vandevaldo Milhomens, a parceria com a Cooper consolida a presença da Companhia e aceitação do serviço no município. “São José dos Campos é estratégico para a Comgás. No primeiro trimestre desse ano, o município registrou a maior expansão de rede de distribuição de gás natural. Esse investimento possibilitou conectar clientes relevantes, a exemplo da Cooper. Seguiremos investindo na região e democratizando o uso do gás natural”, salienta Milhomens.

Gradativamente, os benefícios do uso do gás natural canalizado estão sendo percebidos por clientes residenciais, comercias e industriais de São José dos Campos e de toda a área de concessão da Comgás (composta por 177 municípios do estado de São Paulo). Atualmente, a Comgás atende a 50 mil clientes de São José dos Campos entre residências, 320 comércios, 15 postos de GNV (Gás Natural Veicular) e 22 indústrias. Para atender a este mercado, a Comgás dispõe de uma equipe especializada na orientação quanto à conversão dos equipamentos e construção da rede interna de gás.

A Companhia possui 535 km de rede implantada no município e pretende chegar a 590 km ainda este ano. Nesse momento, as obras de infraestrutura estão focadas nos bairros da Vila Ester e Vila Tesouro. A Comgás já atende os bairros Jardim Satélite, Jardim Portugal, Bosque dos Ipês, Bosque dos Eucaliptos, Campos dos Alemães, Dom Pedro, Colonial, Imperial, Residencial União, Vale do Sol, Centro, São Dimas, Vila Ema, Vila Adyana, Morumbi, Santana, Parque Industrial, 31 de Março, Aquarius, Jardim das Indústrias, Jardim da Granja, Jardim Uirá e Flamboyant.

Sobre a Comgás
Fundada em 1872, a Companhia de Gás de São Paulo (Comgás) é considerada a maior distribuidora de gás natural canalizado do País. A empresa foi privatizada em 1999, tendo como controladores o Grupo Cosan e o Grupo Shell, com participação acionária de 60,7% e 18,2%, respectivamente.

São aproximadamente 11 mil quilômetros de rede de distribuição, que levam o gás natural para mais de 1,3 milhão de consumidores nos segmentos residencial, comercial, industrial, cogeração e GNV. A companhia está presente em 75 cidades do Estado de São Paulo, responsáveis por 27% do PIB nacional.

Como prestadora de serviços públicos, suas atividades são reguladas pela Agência Reguladora de Saneamento e Energia do Estado de São Paulo (ARSESP), órgão do governo do Estado.

Sobre a Cooper
Criada em 1935, a Cooperativa de Laticínios de São José dos Campos (Cooper) lidera o mercado de leite pasteurizado e derivados nos município que é motivo de orgulho para São José dos Campos e toda a região do Vale do Paraíba.

A Cooperativa persegue a competitividade, a produtividade e a qualidade dos seus produtos. Para isto, investe no treinamento de seus funcionários, na melhoria constante da estrutura da empresa, no lançamento de novas opções para o consumidor e no rígido controle de qualidade desde a matéria-prima até o produto final.

A usina de beneficiamento tem capacidade para processar 120 mil litros de leite, mas atualmente são processados cerca de 70 mil litros por dia, usados como matéria-prima dos mais de 20 itens de produtos lácteos produzidos pela Cooper, que atua ainda com outras frentes de mercado: lojas agropecuárias, farmácias veterinárias e fábrica de rações.

 
Mais informações para imprensa

Assessoria de Imprensa da Comgás no Vale
Alameda Comunicação
Enio Machado – (12) 3923-9818 – enio@alamedacomunicacao.com
Leninha Viana – (12) 3923-9818 – leninha@alamedacomunicacao.com